25 de nov de 2009

 

E pensar seriamente em ser Farmacêutica.

É que… eu sempre tive uma grande pancada com remédios.

Sempre que um dos meus colegas tem algum problema de saúde, é ver-me a sacar de um papel e a escrever o nome de um remédio qualquer. (ok, talvez nem sempre, mas já fiz isso algumas vezes)

Isto porque nunca me esqueci de nenhum dos nomes dos medicamentos que tomei até hoje - e não foram assim tão poucos como isso.

Já para não falar que o meu futuro como Veterinária começa a parecer-me muito negro. Sei que vou panicar quando tiver um animal a morrer-me nas mãos. 
Já me estou a imaginar: Em vez de ajudar a pobre criatura, vou começar a chorar baba e ranho e o meu cérebro congelará de puro terror.

Triste, muito triste…

De maneiras que vou ali pensar no meu futuro, outrora tão certo e agora tão desfocado, e já venho.

3 *:

Cat disse...

Informa-te, fala com pessoas que estejam ou já tenha tirado os cursos, que te possam levar ao "terreno"... É a melhor forma de não criarmos expectativas que vão ser defraudadas.

CG disse...

Se vires que essa profissão te está a fascinar mais do que seres veterinária, força! ;)
Mas, como a Cat disse, tenta informar-te sobre isso.
Big Kisses

Framboise disse...

Arigato girls, já ando a tratar disso =)
Beijinhos

Lulz Catz!