29 de jun de 2009


E aqui está ele: O maravilhoso caldo de arroz salva-estômagos.
Semana-sim/semana-não ando nisto.
Devia controlar-me mais mas não consigo.
Adoro comer!

Especialmente coisinhas desta natureza:




E desta:





E há que não esquecer a
mãe de todas as massas:




Agora já percebem o motivo da dieta do caldinho de arroz, não já?
Ser irremediavelmente magra tem este lado mau: Não tenho consciência dos excessos.
Como tudo o que me apetece nas doses que me apetece.
Porque sei que não engordo.




Nem quero ver os resultados das análises ao sangue...
Façam figas!

4 *:

Ninja! disse...

E eu a pensar que andavas era sempre embriagada! ;D

Framboise disse...

Lol por acaso eu não bebo.
Só uma cerveja de vez em quando...
Gostei de te ver por cá!
Beijinho

leandro joao disse...

a custa desse tipo de comidas..eu estou com gordura no figado..e sou um gajo magro..pratico muito desporto...mas eu tb abuso no sal picantes ...enfim..mas caldo de arroz bahhhhhhhh

Framboise disse...

Também tenho alguns problemas de saúde, tipo colesterol. Muita gente pensa que é uma doença de gente gorda. Sou a prova viva de que isso não é verdade!

É engraçado como nestas alturas comidas como caldo de arroz e peixe com batatas me sabem tão bem...

Lulz Catz!